O que você precisa saber sobre catapora

Foto: Reprodução

Todo mundo “conhece de nome” a catapora, mas, pouca gente sabe de fato o que essa doença – que acontece, em geral, na infância – significa. Esses dias, em consulta na pediatra das crianças, me deparei com um panfleto falando sobre o assunto, resolvi, então, pesquisar um pouco mais e compartilhar tudo que “descobri” com vocês. 

A catapora é uma doença altamente contagiosa, causada pelo vírus varicella-zoster que infecta o trato respiratório. 

A quem atinge

Embora ocorra com mais frequência na infância, pessoas de todas as idades podem ser afetadas pela catapora. E a doença pode causar complicações mais graves em alguns grupos:

- Bebês (menos de 1 ano)

- Adultos e adolescentes maiores de 15 anos

- Mulheres grávidas

- Indivíduos com um sistema imunológico enfraquecido

Sintomas

As “pintinhas” pelo corpo não são o único sintoma. Os sinais da doença incluem:

- Febre

- Tosse e dor de garganta

- Mal-estar

- Perda de apetite

- Erupções cutâneas pruriginosas ou pontos inchados que se transformam em bolhas

- Uma crosta seca que se forma nas bolhas estouradas conforme elas cicatrizam

Importante: o tempo desde a infecção até o aparecimento das erupções cutâneas é de 14 a 16 dias.

Transmissão

A catapora é transmitida quando a pessoa infectada:

- Tosse ou espirra

- Pelo contato próximo com lesões

- De uma mãe infectada para o feto através da placenta

Importante: o período de transmissão é de 1 a 2 dois antes do início das lesões na pele ou até que as lesões tenham formado crostas.

Um dado é que: 9 em cada 10 pessoas susceptíveis que entram em contato com uma pessoa infectada adquirem a doença. 

Impacto

A OMS estima que anualmente 4,2 milhões de casos de catapora geram complicações sérias. 

A catapora, em geral, é uma doença leve. Mas, em alguns casos, pode ser associada com complicações sérias, como: superinfecções na pele e cicatrizes severas; pneumonia e bronquite; otite média; distúrbios neurológicos.

Assim, a catapora pode ser grave em grupos de alto risco, como: recém-nascidos e pessoas com sistema imune enfraquecido. 

Proteção

A vacinação é uma forma de proteção contra a catapora. E, se você ou alguém da sua casa estiver infectado com a doença, previna a disseminação: 

- Mantenha as pessoas infectadas afastadas da creche, escola ou trabalho;

- A pessoa infectada deve evitar contato com grupos de risco;

- Superfícies devem ser limpas com solução esterilizante;

- É necessário lavar com maior frequência as roupas e roupas de cama infectadas. 



Com informações: GSK